27.8.10

Coração em pedacinhos

Tchéz, originally uploaded by Menina Dedê.

Ficamos com o coração apertado e nem é porque a coisa é grave. Ele está fazendo xixi com sangue e precisa fazer xixi toda hora. Ontem, logo depois de voltar do passeio das 6 da tarde, já queria sair de novo. Ele nunca pede. Ficou perto da porta, perto do pote onde a gente coloca a guia dele. Dei ossinho, um monte de petisquinhos, coisinhas pra ele se distrair. Mas ele, o montro! da comidinha, foi superblasé. Lambeu e ficou feliz mas foi pra porta de novo. Aí meu coração quebrou de leve e levei nosso pompom pra passear às 9, coletei xixi num potinho pra levar no veterinário (o menino mais lindo do mundo tá indo pra casa pra pegar o pãgucho agorinha). Às 11 da noite, ele não aguentou mais esperar e fez xixi em casa, na parede perto da porta. Tadinho. Nunca na vidinha dele  com a gente aconteceu. Ele achou que eu ia ficar brava e deu uma rosnadinha pra  né?, se fosse preciso, antes da bronca que nunca veio. Acordamos de manhã e achamos outro presente perto da porta.  De manhã só um xixizinho e várias tentativas: a patinha no ar, esperando, esperando, fazendo força, só pra sairem umas gotinhas de sangue. Queria explicar pra que não tem problema. Que ele tá doente e a gente entende. Que tudo bem fazer pipi em casa, na parede, que tudo bem, que hoje ele vai no veterinário e vão dar um remedinho e à noite ele vai estar se sentindo muito, muito melhor. Tão chatinho esse diarinho de doença. Mas fico com tanto dó que ele não entende o que eu digo.

20.8.10

16.8.10

Chazam


Chazam, originally uploaded by Menina Dedê.